domingo, 26 de junho de 2011

As 10 Aparições Mais Bizarras


Visões de deuses, santos, demônios e alienígenas é algo tão antigo quanto as primeiras civilizações, como a egípcia. Desde aqueles tempos, a teofania, como é chamado o aparecimento ou a revelação de uma divindade, tem sido relatada nas mais diferentes culturas e épocas. Na Ocidente cristão, por exemplo, Jesus Cristo é um dos campeões em aparições nesses quase dois mil anos desde que deixou este mundo. Algumas teofanias tornaram-se até “oficiais”, reconhecidas pelas instâncias sagradas adequadas. Uma das mais famosas desse tipo é a série de aparições da Virgem Maria, a mãe de Jesus, para três crianças na aldeia de Fátima, em Portugal, em 1917.

No entanto, muitas aparições não passam de profanas ilusões de ótica que veem santos em muros, na cobertura ou recheio de doces e até em exames de laboratório. Além disso, nem só divindades têm sido vistas por aí. Demônios, extraterrestres e objetos voadores não identificados também têm aparecido para pessoas de muita fé. Nas próximas páginas, confira quais são as dez aparições mais bizarras que já ocorreram.



Rosto humano em Marte


Em 25 de julho de 1976, a nave Viking 1, enviada pela Nasa para orbitar Marte e localizar regiões para o pouso da Viking 2, fotografou uma parte da superfície norte do planeta. Na foto enviada para a Terra muitos viram a imagem de uma face humana como que saindo das formações geológicas do planeta. Apesar das várias interpretações místicas que foram dadas a ela, a verdade é que boa parte dessa “face humana” foi o resultado dos problemas de transmissão na imagem de Marte até a Terra. As falhas nos bits transmitidos formaram por exemplo um dos “olhos” e uma das “narinas” que apareceram na rocha. Para decepção dos que esperavam por alguma “mensagem” aos terráqueos, a imagem simplesmente retrata o resultado de um processo natural de formação geológica, segundo os cientistas da Nasa.


Em nome de Alá


A teofania não é um fenômeno exclusivamente ocidental e cristão, apesar das aparições mais noticiadas serem a dos ícones do cristianismo. O islamismo também tem seus episódios. Os muçulmanos não veem Alá, e sim o sagrado nome dele escrito em árabe em elementos da natureza. Uma delas aconteceu em 2009, no Irã, quando fiéis encontraram o nome de Alá escrito nos pelos de uma cabra. Outra, quando imagens registradas por infiéis ocidentais, feitas por uma câmera colocada em um dos ônibus espaciais enviados pela Nasa, revelaram o nome de Alá desenhado nas nuvens que cobriam o planeta azul visto do espaço.


Fogueira papal


Dois anos após a morte de João Paulo 2.º, alguns conterrâneos do papa decidiram homenageá-lo em uma festa no povoado de Beskid Zywiecki, na Polônia, próximo à cidade natal do ex-pontífice. O que eles não esperavam era que ele desse uma passadinha por lá. Pelo menos essa é a impressão que os fiéis ficaram após verem a foto da fogueira feita na celebração. Para muitos a silhueta das chamas mostra o papa com a mão direita levantada, reproduzindo o típico gesto com que ele abençoava os fiéis. O fato da “aparição” ter acontecido exatamente dois anos após o dia e a hora da morte do pontífice aumentou as especulações, entre o rebanho católico, dela ser um sinal enviado por Deus.


Guloseimas santas


A imagem de pessoas santas em rosquinhas, torradas e outros produtos comestíveis é um das mais comuns e profanas aparições dos últimos tempos. Entre as mais famosas estão as imagens da Virgem Maria em uma torrada e da madre Teresa de Calcutá em uma rosquinha de canela. Em 1994, a norte-americana Diana Duyser preparou um sanduíche de queijo quente e após dar a primeira mordida reparou que no pão torrado havia se formado a figura de Nossa Senhora. Ela guardou a torrada que, segundo ela, permaneceu milagrosamente uma década sem qualquer sinal de mofo até leiloá-la no E-bay e arrecadar US$ 28 mil. Antes disso, segundo Duyser declarou à BBC, a torrada mística havia lhe dado sorte suficiente para ganhar US$ 70 mil num cassino.


Tartaruga satânica


Em outubro de 2004, um incêndio numa loja de animais em Frankfort, cidade próxima a Indianapolis (EUA), teve um único sobrevivente: a tartaruga Lucky. Só que o fato pode não ser resultado só de Lucky ser uma sortuda. Segundo seu proprietário, Brian Dora, em declaração para a Associated Press, após o incêndio o casco da tartaruga passou a exibir uma imagem que ele jura ser a da face do tinhoso, com seus chifres e tudo. Para Dora, isso pode significar que o demo estava mandando uma mensagem de que teria passado por ali. Para alívio geral, a tartaruga “demoníaca” não apresentou nenhuma mudança de comportamento e permaneceu saudável. Mas a dúvida ficou: será que ela fez algum pacto com o diabo para escapar da fogueira?


Doce Jesus


Tem muita gente vendo Jesus por aí. Uma dessas experiências aconteceu com um rapaz na Holanda em plena Sexta-Feira da Paixão de 2009, que antecedeu ao domingo de Páscoa. Teria sido nesse dia há quase dois mil anos que Jesus teria sido crucificado, morto e enterrado para ressuscitar no terceiro dia. Ao morder uma barra do chocolate KitKat, esse sortudo holandês reconheceu entre as camadas da guloseima a face de Cristo. Como prova do “milagre” não só mostrou para os colegas como fotografou a guloseima e mandou as imagens para a imprensa.


O Incidente de Varginha


Visões do chupacabra, na América Central, ao ET de Varginha, no Brasil, provam que a aparição de criaturas alienígenas é tão comum nos países latinos como a de seres sagrados. Uma das mais famosas aconteceu em Minas Gerais nos anos 90. O chamado Incidente de Varginha é uma espécie de versão tupiniquim do famoso caso Roswell. Em 20 de janeiro de 1996, três garotas na cidade mineira de Varginha, ao passarem próximas a uma oficina mecânica, teriam avistado uma criatura marrom, viscosa e de olhos vermelhos. Elas saíram correndo na direção oposta. Segundo garantem os ufólogos, uma série de eventos estranhos relacionaram-se a essa aparição do ET de Varginha, tornando-a o contato imediato de terceiro grau mais famoso no Brasil.


Visões de Satã


As aparições de Satanás parecem ser bem desagradáveis. Pelo menos é assim que têm sido retratadas em relatos, livros e filmes. Essa tradição vem desde a Biblia que mostra que suas aparições começam sempre sedutoras e terminam nada bem. Segundo São Paulo, o diabo frequentemente se transformava em um anjo de luz para seduzir as almas. Um dia, o demo teria aparecido para São Martim como um jovem trajado como um rei e com uma coroa na cabeça. Disse que era Cristo, mas São Martim não acreditou e lhe disse que Jesus não retornaria vestido daquele jeito. O tinhoso teria então desaparecido deixando um intolerável odor para trás. Prova irrefutável de que muitas visões vêm acompanhadas de cheiros também.


Aeroporto de OVNIs


Se você quer ter um encontro com extraterrestres, há alguns lugares no mundo em que eles têm mais chance de acontecer. Um deles é a esotérica São Tomé das Letras, palco de aparições de objetos voadores não identificados (OVNIs) segundo garantem várias testemunhas oculares. Outro é a cidade de Gulf Breeze, na Flórida (EUA). Lá em 1987 uma série de aparições de discos voadores teria sido registrada em impressionantes fotos tiradas pelo morador Edward Walters. As imagens geraram vários debates até que um amigo de Walters confessou que elas seriam uma farsa. Apesar disso, caçadores de OVNIs continuam a visitar Gulf Breezes em busca de algum contato imediato.


Surto de aparições em para-brisas


Normalmente as aparições ocorrem para uma pessoa ou para pequenos grupos. Agora imagine um fenômeno em que estranhas imagens começam a se formar nos para-brisas dos carros em várias localidades para milhares de pessoas. Esse fato aconteceu nos arredores de Seattle (EUA), nos anos 50, e foi chamado por cientistas sociais e psicólogos de “epidemia de manchas nos para-brisas”. Em 23 de março de 1954 começaram os primeiros relatos e logo milhares de denúncias em diferentes localidades próximas a Seattle chegaram à polícia. Durante quase um mês, bolhas surgiam e cresciam dentro dos para-brisas formando manchas e criando um dos maiores fenômenos de ilusão em massa já registrados. Os relatos coincidiram com o período de testes da bomba de hidrogênio, o que segundo os estudiosos levou a uma reação de quase histeria da população.






Fonte: universo42

Nenhum comentário: